Banner
Domingo, 19 de Novembro de 2017 - 03:54
Jornalista Resp.: Cezar Miranda - Diretor: Karlos Bernado - Telefone: (67) 9677-0757
UNIVERSIDAD CENTRAL DEL PARAGUAY

Notícias


Campo Grande é a pior capital no cumprimento da LRF em 2016

Data da publicação: 11/08/2017 à00 09:32


Vista aérea do Centro de Campo Grande - Foto: Divulgação/PMCG

Campo Grande foi a única capital no Brasil a ter o pior conceito no cumprimento das exigências da Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF) em 2016. Na época, a prefeitura era adminsitrada por Alcides Bernal (PP). Levantamento da Federação das Indústrias do Rio de Janeiro (Firjan) identificou que as contas da Capital ano passado teve Conceito D, ou seja, situação fiscal difícil ou crítica.

"Campo Grande obteve o único Conceito D entre as capitais. A análise das contas públicas da capital sul-mato-grossense revelou um quadro de baixo investimento – 3,2 vezes inferior à média das capitais. A análise das contas públicas da capital sul-mato-grossense revelou um quadro de baixo investimento – 3,2 vezes inferior à média das capitais", informou relatório que foi divulgado hoje.

O mesmo documento apontou que 2.091 prefeitos descumpriram determinações da LRF em 2016. Foram 715 ex-prefeitos que deixaram a seus sucessores contas a pagar em valor maior do que havia recursos em caixa. O rombo total encontrado foi de R$ 6,3 bilhões. Nesse grupo também apareceu Campo Grande.

"Vivemos um verdadeiro faroeste fiscal, com muitos municípios fora-da-lei", opinou o economista-chefe da Firjan, Guilherme Mercês, em entrevista à Folhapress.

A Firjan pondera que em ano de eleição, como foi 2016, as exigências da LRF são maiores e por isso fica mais difícil para prefeitos cumprirem as exigências.

Na avaliação entre os 79 municípios de Mato Grosso do Sul pelo ranking Índice Firjan de Gestão Fiscal (IFGF), os piores são Rio Negro, Bela Vista, Fátima do Sul, Sete Quedas e Nioaque. Os cinco melhores são Costa Rica, Eldorado, Figueirão, Antonio João e Três Lagoas.

Na comparação com as mais de 5,1 mil cidades do Brasil, Costa Rica apareceu na 13ª posição. É a única que tem destaque nacional. Eldorado, a segunda melhor cidade do Estado em cumprimento à Lei de Responsabilidade Fiscal, aparece na 164º posição nacional.

O prefeito de Costa Rica, Waldeli dos Santos Rosa (PR), tem recebido visita de outros Executivos e ficou famoso ao pagar 16º salário para professores.

O melhor município do ranking deste ano foi Gavião Peixoto (SP), que subiu 409 posições entre 2015 e 2016. Para a Firjan, investimentos no setor aeronáutico -a cidade sedia instalações da Embraer- podem justificar o desempenho.

Fonte:Assessoria.

 
 
  • Campo Grande é a pior capital no cumprimento da LRF em 2016

Busca
Último evento
Entrevistas