Banner
Domingo, 19 de Novembro de 2017 - 03:57
Jornalista Resp.: Cezar Miranda - Diretor: Karlos Bernado - Telefone: (67) 9677-0757
UCP 2018

Notícias


De aluna a professora, jovem é fruto de projeto de "guerreiras"

Data da publicação: 11/11/2017 à00 11:47


Divulgação

Reconhecida em todo território nacional pelo trabalho realizado com famílias em situação de vulnerabilidade, a Associação das Mulheres Independentes na Ativa do Município de Anastácio (Amina), também transforma a realidade de jovens e crianças oriundos de programas sociais da região pantaneira. A adolescente Giovana Brites é um exemplo. De aluna do projeto, evoluiu de forma significativa e passou a ministrar aulas de violão.

Todas as atividades são realizadas pela Amina graças ao incentivo do Programa Criança Esperança juntamente com a Unesco. Além da assistência às mulheres e do curso de violão, também são oferecidas aulas gratuitas de sapateado, balé, violão e karatê. Segundo Nilma Infran, presidente da Amina, atualmente são atendidos 142 alunos de baixa renda, com idades de seis a 17 anos, mas há vagas para mais.

Um dos projetos da entidade apoiado pelo Criança Esperança e que mais vem se destacando é o de música, que atende 30 crianças entre seis e 16 anos. Foi neste curso que Giovana descobriu talento para a música e passou a compartilhar seu conhecimento com outros jovens. A trajetória dela, sem dúvidas, é fruto do bom trabalho da entidade. " É a realização de um sonho", disse a jovem.

"Nesta quarta-feira o grupo que toca e canta estará se apresentando na rádio local, Pantaneira. A primeira das muitas apresentações das crianças", disse Nilma. As aulas acontecem no contra turno escolar, como forma de manter os jovens ocupados com atividades produtivas.

Aulas

Nilma explica que as aulas acontecem na sede da Amina, no Centro, nas dependências da Escola Cejar e na extensão do Jardim Independência, de segunda à sexta-feira, de manhã e à tarde, de acordo com a turma. "O Programa Criança Esperança nos forneceu todos os materiais gratuitamente, como quimonos, tatames roupas e instrumentos musicais. Nesta quinta-feira ainda vamos oferecer curso de confeitaria de graça para as mães dos alunos".

Interessados em se matricular podem obter outras informações na sede da Amina, localizada na Acogo, 406, ou pelo telefone: (67) 32451790.

Amina

A Amina, Organização não Governamental (ONG) sem fins lucrativos, foi criada em 2004 com intuito de promover o desenvolvimento humano, social, econômico e cultural de mulheres e famílias em situação de exclusão, risco e vulnerabilidade social (principalmente mulheres que passaram por violência doméstica), residentes nos bairros e vilas da região urbana do município de Anastácio. O projeto ganhou projeção nacional e tem firmado parceria com grandes empresas e instituições.

 
 
 
 
Fonte:Assessoria.

Busca
Último evento
Entrevistas