Banner
Segunda, 12 de Novembro de 2018 - 15:39
Jornalista Resp.: Cezar Miranda - Diretor: Karlos Bernado - Telefone: (67) 9677-0757
UNIVERSIDAD CENTRAL DEL PARAGUAY

Notícias


Ex-presidente de partido politico do MS é preso com drogas em São Paulo

Data da publicação: 14/02/2018 à00 10:09


Droga apreendida (Foto: Divulgação)

Os cinco presos com 72 kg de drogas em um imóvel no Jardim Santa Antonieta, zona Norte de Marília, na manhã de sexta-feira (10), tiveram seus nomes divulgados. São quatro homens e uma mulher, que estava com dois menores de idade entregues ao conselho tutelar.

Foram indiciados por tráfico de drogas e associação ao tráfico o metalúrgico Bruno Benedito Rodrigues Neves, 28 anos; o mecânico Wellisson de Souza Lima, 36 anos; o autônomo Maurício Fermino de Sá, sem idade informada; o funcionário público municipal Marcos Estigarribia da Silva, 40 anos; e a balconista Ana Cláudia dos Santos e Silva, 35 anos.

Na residência, onde estavam uma criança de colo e uma adolescente, foram apreendidos 56 tijolos de maconha e vários fragmentos menores que pesaram 62,6 quilos, mais nove tabletes de haxixe totalizando 8,9 quilos e 302 pinos com cocaína.

O acompanhamento de um motociclista suspeito começou por volta das 9h30 no quilômetro 325 rodovia SP-333 pela Polícia Rodoviária. O condutor era Bruno e carregava um volume na cintura que chamou a atenção dos policiais.

Ele não obedeceu a ordem de parada e entrou na cidade. Foi solicitado apoio da Polícia Militar e o motociclista foi seguido até um imóvel na rua Egídio Fenile, onde desceu da moto e correu para dentro.

Os policiais viram através de um portão aberto que moradores da residência estavam desenterrando drogas.

De acordo com a PM, os indivíduos que já estavam com parte dos entorpecentes fora da terra tentaram correr e até pular um muro, mas acabaram detidos assim como a mulher que estava lá.

Dentro da casa havia droga por todos os lados, até dentro de uma panela na cozinha e em um cesto de roupas sujas. Anotações sobre o tráfico de entorpecentes e balanças de precisão também acabaram apreendidas.

Os envolvidos receberam voz de prisão, ratificada no plantão policial, onde na manhã deste sábado (9) eles continuavam encarcerados. Eles passariam por audiência de custódia e poderiam ser encaminhados para unidades prisionais.

De acordo com informações, um dos presos na operação, é da cidade de Amambai, onde foi presidente de um partido politico local, a reportagem entrou em contato com representantes do partido que informaram que atualmente ele não é mais presidente da agremiação politica na cidade.

 

Fonte:Assessoria.


Busca
Vídeos
Último evento
Entrevistas