Banner
Domingo, 20 de Outubro de 2019 - 05:49
Jornalista Resp.: Cezar Miranda - Diretor: Karlos Bernado - Telefone: (67) 9677-0757

Notícias


Mãe e filho são presos em Ponta Porã acusados de ligação com traficantes do Paraná

Data da publicação: 20/09/2019 à00 09:04


Operação Renovação foi deflagrada na última sexta-feira (13) no norte do Paraná. (Foto: Reprodução/RPC)

Duas pessoas foram presas na quinta-feira pelo Serviço de Investigações Gerais (SIG) da Polícia Civil de Ponta Porã no prosseguimento da Operação Renovação que foi desencadeada na última sexta-feira (13) pela Polícia Civil do Paraná. Everaldo Graciano Júnior de 25 anos e mãe dele Rosa Maria Vieira Graciano de 51 anos tiveram as prisões temporárias determinadas pela juíza Leane Cristina do Nascimento Oliveira Donato de Arapongas (PR) no dia 12 de setembro, um dia antes da operação ser desencadeada.

Ao todo a Justiça do Paraná decretou a prisão de 53 pessoas e foram expedidos 63 mandos de busca e apreensão nas cidades de Rolândia, Sabáudia, Ibaiti, Arapongas e Apucarana. A ação policial mirou uma organização criminosa que era dividida em seis núcleos e recebia ordens de dentro de presídios por marginais ligados ao PCC.

De acordo com o delegado Ricardo Jorge da Polícia Civil do Paraná, essa investigação começou em 2018 e foi concluída em maio deste ano. "Começamos a investigar uma pessoa e, a partir dela, conseguimos identificar os demais alvos, que fazem parte das demais quadrilhas. Esse alvo principal tem ligação com todos os núcleos", explicou o delegado.

Esta semana Rosa Maria que mora no interior paranaense veio para o Mato Grosso do Sul visitar o filho na fronteira e com as informações repassadas pela polícia do Paraná, os investigadores do SIG de Ponta Porã conseguiram prender os dois que serão levados para Arapongas onde corre o inquérito que investiga a quadrilha. Os dois são acusados de formação de quadrilha, tráfico de drogas e corrupção de menores.

 
 
 
 
 
 
 
 

Fonte:Assessoria


Busca
Vídeos
Último evento
Entrevistas